DIA DO PIAUI

DIA DO PIAUI

Ex-procurador geral de Justiça é condenado a 51 anos de prisão

O juiz Antônio Lopes de Oliveira condenou o ex-procurador-geral de Justiça Emir Martins Filho a 51 anos de prisão pelos crimes de lavagem de dinheiro, peculato, falsificação de documento público e inserção de dados falsos em sistema de informações.

O magistrado decidiu em denúncia impetrada na Justiça pelo Ministério Público do Estado do Piauí (MP-PI), que constatou irregularidades cometidas por Emir Martins entre 2004 e 2008, quando exerceu o cargo de procurador geral de Justiça do Piauí.

A auditoria realizada na folha de pagamento dos servidores do MP-PI encontrou várias irregularidades no período em que a Procuradoria Geral de Justiça foi comandada por Emir Martins Filho.

Emir Martins Filho

Conforme a sentença proferida pelo magistrado Antônio Lopes de Oliveira estava envolvido no esquema, o filho de Emir Martins, Tiago Saunders Martins, foi condenado a 21 anos de prisão.

De acordo o Ministério Público, Tiago Saunders recebia valores vultosos durante a gestão do pai, por intermédio de laranjas inseridos na folha de pagamento.

“Tiago Saunders, também denunciado nesse processo, filho do acusado Emir Martins Filho, recebia quantias entre R$ 3.500,00 e R$ 18.155,00”, consta na denúncia.

O Ministério Público acrescentou que parentes e pessoas ligadas a Emir Martins, incluindo sua ex-esposa, receberam ilicitamente durante sua gestão pelo menos R$1.676.994,45 do órgão. O valor corrigido e atualizado representa hoje cerca de R$ 2,5 milhões.

A defesa do ex-procurador geral de Justiça do Piauí Emir Martins informou que vai recorrer ao Tribunal de Justiça da decisão do magistrado Antônio Lopes de Oliveira.

José Ribamar de Sena Rosa, responsável pela criação do próprio sistema software da folha de pagamento do MP-PI, e, junto com Emir Martins, fazia alterações, gerando dois arquivos, um encaminhado aos órgãos de controle e outro enviado às instituições bancárias, foi condenado a 46 anos de prisão.

Fonte: Meio Norte
Tecnologia do Blogger.
google-site-verification: google2b0840f1e7609044.html