//// ANALYTICS //// Milhões de brasileiros celebram hoje os 110 anos do Corinthians - Notícias de Barras, Piauí, Brasil e o mundo ::: www.barrasenoticia.com.br

Header Ads

Milhões de brasileiros celebram hoje os 110 anos do Corinthians

Milhões e milhões de brasileiros espalhados por cada canto do país celebram hoje os 110 anos de criação do Corinthians, o clube criado em um bairro operário de São Paulo, que já proporcionou imensas alegrias ao longo da história, por suas incontáveis vitórias e muitos títulos no futebol.

Fundado em 1910 por operários do Bairro do Bom Retiro, em São Paulo, o Corinthians conta atualmente com a segunda maior torcida do país.


Em 1º de setembro de 1910 um grupo de operários do bairro do Bom Retiro, localizado em São Paulo, inspirados na passagem de um time Inglês pelo Brasil, denominado Corinthian Football Club, criaram o Sport Club Corinthians Paulista. Mesmo sendo hoje um time multiesportivo, tendo equipes em outras modalidades como a Natação, Basquete, Remo, Futsal, Handebol, Futebol Americano, Futebol de Areia, MMA e Rugby, as maiores conquistas do clube vieram através do futebol.

A equipe, que desde a fundação foi formada por pessoas mais carentes da sociedade, aos poucos ficou reconhecida como time do povo. O clube foi um dos pioneiros a aceitar atletas negros em seu elenco. Seu primeiro presidente, o Alfaiate Miguel Battaglia, afirmou desde o início que o Corinthians seria o time do povo.


O primeiro campo veio improvisado de um terreno alugado na Rua José Paulino, que posteriormente foi plainado e virou campo. O time, que na época era considerado de várzea, em 1913 ganhou a primeira oportunidade de disputar o Campeonato Paulista, mas não obteve êxito, ficou em quarto lugar entre cinco equipes. No ano seguinte conquistou seu primeiro título, o Campeonato Paulista de 1914, de forma invicta com 10 vitórias em 10 jogos.


As décadas de 20 e 40 foram emblemáticas, no período o clube levou nove títulos paulistas, firmando-se como uma das equipes mais importantes de São Paulo e rivalizando assim com Societá Sportiva Palestra Itália, atual Palmeiras. Os anos seguintes foram de altos e baixos até 1961, quando o time entrou em crise e passou 22 anos sem títulos oficiais. O jejum terminou em 13 de outubro de 1977 com o título paulista, quando Basílio, aos 36 minutos do segundo tempo, fez o gol da vitória contra a Ponte Preta, fazendo daquele um dos títulos mais importantes para o time.


Tecnologia do Blogger.
google-site-verification: google2b0840f1e7609044.html