Header Ads

Prefeito de cidade do PI é acusado de cercar barragem pública que servia a populares


O prefeito Carlos Gomes de Oliveira, o Carlão do Feijão, está sendo acusado de cercar com estacas de aroeira um açude público na localidade Santa Cruz, interior do município de Dirceu Arcoverde. Em plena época de coronavírus, o gestor é acusado de tentar aumentar seu próprio patrimônio prejudicando terceiros. 

Segundo os vereadores Rodolfinho e Luciano, a população local reportou o ocorrido e eles então resolveram checar a veracidade das informações. Os políticos alegam que ao cercar o açude público os populares da região ficaram sem acesso à água.

“Ao verificarmos constatamos a veracidade da denúncia, um verdadeiro absurdo. O prefeito fechou todo o bojo e parede da barragem, bloqueando assim o acesso dos demais moradores que utilizam a água para suas necessidades diárias, para lavar roupa, dar água a seus animais e para toda labuta do dia a dia, iremos tomar todas as medidas cabíveis porque isso é inadmissível”, diz Rodolfinho.

O parlamentar municipal explicou ainda que “toda a área da barragem [está cercada], só está uma parte de água fora porque está cheia e a água represou longe, mas todo o bojo e a parede da barragem estão dentro da fazenda dele [cercadas]”, enfatiza.

“CAPATAZ DA FAZENDA COM FACÃO”

Os dois vereadores ao ir conferir in loco as denúncias se depararam com uma situação extrema. Um homem armado com um facão indaga aos políticos porque eles pularam a cerca 'invadindo' a propriedade. 

No vídeo acima é possível ver a discussão entre ambos. O interlocutor do vereador Rodolfinho é alguém classificado pelo político como que sendo "capataz do prefeito".

"Você saltou o arame", disse o trabalhador da fazenda.

“ATÉ O CEMITÉRIO ESTÁ CERCADO”

O vereador Rodolfinho também enviou o vídeo acima informando que até o cemitério foi cercado.

"Isso é revoltante", diz.


Tecnologia do Blogger.
google-site-verification: google2b0840f1e7609044.html