Header Ads

Além de Lula, quem mais pode ser solto após decisão do STF?

Após decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que acaba com a prisão após condenação em segunda instância, o ex-presidente Lula (PT) foi solto e fica a dúvida: quem mais pode ser liberado?

Bom, segundo dados do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), outros 4.895 presos podem sair da prisão.

Só da operação Lava Jato, 38 condenados presos podem deixar a cadeia em breve. Entre os famosos estão o ex-ministro José Dirceu.

Agência Brasil

Mas nem todos os presos após condenação em segunda instância podem ser soltos, como o ex-presidente da Câmara Federal, Eduardo Cunha, que cumpre prisão preventiva.

Agência Brasil

Quem também não deve ser solto é o ex-governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, porque o ex-juiz Sérgio Moro decretou a prisão para execução provisória em substituição da prisão preventiva.

Agência Brasil

Em casos de prisões cautelares, como em crimes hediondos, não há mudança nas decisões, as prisões serão mantidas. 

O Estadão preparou uma lista de alguns nomes que podem ser soltos em breve:

Alberto Elisio Vilaça Gomes - ex-diretor de Mendes Junior
Enivaldo Quadrado - dono da corretora Bônus Banval
Fernando Moura - empresário / lobista
Gerson de Mello Almada - ex-vice-presidente da Engevix
Jayme Alves de Oliveira Filho - agente da Polícia Federal
João Augusto Rezende Henriques - lobista / operador do PMDB
José Dirceu - ex-ministro da Casa Civil
Luiz Eduardo de Oliveira e Silva - irmão de José Dirceu
Márcio Andrade Bonilho - sócio da Sanko Sider
Pedro Augusto Cortes Xavier Bastos - ex-gerente de área internacional da Petrobras
Roberto Gonçalves - ex-gerente de engenharia da Petrobras
Rogerio Cunha Oliveira - ex-diretor da Mendes Junior
Sergio Cunha Mendes - ex-vice-presidente da Mendes Junior
Waldomiro de Oliveira - funcionário de Alberto Youssef
Tecnologia do Blogger.
google-site-verification: google2b0840f1e7609044.html